Mato alto, escorpiões e outros bichos

Falta de fiscalização, de multas e descaso dos proprietários contribuem para datas sem limpeza e proliferação de animais peçonhentos

Publicado: 27/12/18 • 14h49
Atualizado em: 26/03/19 • 16h22

    Uma moradora do jardim Cidade Nova, em Rolândia, foi picada levemente por um escorpião quando pisou sobre o aracnídeo na manhã do sábado (22). Assustada, Maísa Virginia dos Santos matou o escorpião, pois tem duas crianças em casa, e percebeu que o inseto parecia ser amarelo, a espécie mais venenosa. Postou a história nas redes sociais e chamou a Vigilância Sanitária, que esteve em sua casa e levou o escorpião. “Eles vão enviar para Curitiba para saber se é o amarelo ou o marrom”, revelou Maísa.

    Mato alto

    A moradora contou que há muitas datas vazias em seu bairro, abandonadas por seus donos que não as limpam. Dessa maneira, o mato cresce e atrai insetos e animais peçonhentos como os escorpiões, aranhas e até, serpentes. No sábado, o filho de 5 anos de Maísa estava na sala e seu irmão, de 1 ano e 5 meses, estava no quarto. “Eu estava indo vê-los quando pisei em algo, achei que fosse um brinco, pois doía demais. Era um escorpião. Meu filho mais novo já consegue descer sozinho do berço. Já pensou que se ele ou seu irmão fossem picados?”, questionou Maísa.

    Ela ligou para o esposo e para a mãe, que vieram e a levaram para o Pronto Atendimento, onde ficou em observação. “Graças a Deus que a picada foi superficial”, agradeceu Maísa. Mas a preocupação da família continua, principalmente com a quantidade de terrenos com mato alto no bairro, que fica ao lado do Nobre. “Não fico mais tranquila. E se tiver mais escorpiões? Esse que estava em casa poderia ter picado meu bebê ou meu outro filho. E se for do tipo amarelo e tivesse me picado com mais intensidade, eu poderia nem estar aqui para contar essa história”, ressaltou.

    Reclamações contra mato alto e terrenos com entulho ou lixo podem ser feitas no setor de fiscalização da prefeitura de Rolândia. Basta ir até o local e protocolar uma denúncia com o endereço do terreno.

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.