Carro de luxo na Saúde?

Secretário esclarece a utilização do Ford Focus, adquirido em 2017, e afirma que dinheiro não poderia ser usado em compras de medicamentos, por exemplo

Publicado: 05/02/19 • 18h27
Atualizado em: 06/02/19 • 13h21

    A denúncia que um Ford Focus, de cerca de R$ 91 mil, teria sido adquirido pela secretaria de Saúde e estaria escondido para não causar alarde entre a população, enquanto as Unidades Básicas de Saúde (UBS) sofrem com falta de medicamentos, polemizou em Rolândia. Outra questão levantada foi a de que o prefeito interino Roberto Negrão estaria usando o carro, que seria apenas para a Saúde.

    A aquisição foi feita em 2017, via fonte vinculada da secretaria de Saúde. “Isso aconteceu antes de eu ser secretário, na gestão da outra secretária e do prefeito afastado”, justificou Marcelo Marques Ferreira, atual secretário de Saúde. Outra informação importante dada pelo secretário é que o valor utilizado na compra do carro não poderia ser aplicado no uso de medicamentos, mas apenas em serviços de manutenção ou aquisição de veículos para a frota da Saúde.

    Mesmo assim, Marcelo esclareceu que o veículo fica no pátio da Prefeitura e é usado para viagens, porque para uso rotineiro na cidade não é econômico. “Na cidade, ele gasta muito combustível, mas para viagem, tem menos gastos, além do conforto e segurança para quem vai dirigir”, explicou. “Eu, por exemplo, nos dias 18, 19 e 20 vou estar em Curitiba e usar esse Ford Focus que está no pátio da Prefeitura pela primeira vez”, afirmou Marcelo.

    Como ele não era secretário na época e não participou da decisão de adquirir o carro, não pode afirmar o motivo da compra. “Não tenho conhecimento da necessidade disso, porque ele foi adquirido em outra gestão. Talvez a outra secretária e o prefeito naquela época acharam necessário ter um carro com mais conforto e segurança”, supôs o secretário

    A partir do momento em que Marcelo assumiu, promoveu mudanças na utilização do Focus, carro de maior nível da secretária, que também possui um Ford Fiesta. “Esse Fiesta era exclusivo do secretário de Saúde, mas quando eu assumi, achei melhor não ficar com o carro, porque já tenho o meu carro, então esse está em uso nos serviços de Saúde”, revelou Marcelo.

    Sobre a utilização do veículo pelo prefeito interino em viagens a Curitiba, a reportagem do JR falou com o procurador do município, Isaac Altino, que afirmou que o prefeito utiliza o carro quando vai resolver questões de várias secretarias, inclusive da Saúde. “Além disso, o veículo é pouco usado, pois muitas vezes as viagens são de avião”, ressaltou Isaac. O procurador também lembra que o único veículo do prefeito é um modelo 2006 e que precisa de revisão.

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.