Doe frascos para leite materno

Posto de Coleta de Rolândia inicia campanha de arrecadação de frascos para aumentar a doação de leite materno na cidade

Publicado: 06/08/19 • 15h30
Atualizado em: 06/08/19 • 15h47

    O Posto de Coleta de Leite Humano de Rolândia, o UNICOAMOR (Unidade de Coleta, Orientação e Apoio ao Aleitamento Materno), iniciou uma campanha de doação de arrecadação de frascos para o armazenamento de leite materno, a partir desta segunda-feira (05), nas UBSs do município. As UBSs terão uma caixa para recolhimento dos frascos, incluindo o Centro de Especialidades – onde está localizado o posto de coleta – e o Centro Odontológico.  

    A população pode ajudar doando potes de vidros, com bordas largas, sem pinturas no vidro e com tampas plásticas, como os potes de vidro de cafés solúveis ou de conserva de palmito, por exemplo. “O ideal é que sejam frascos lisos, exatamente para que não entre nenhum tipo de contaminação”, esclareceu a coordenadora do UNICOAMOR, Angela Misael Iizuka. Caso a pessoa tenha o pote de vidro, mas apenas tampas de alumínio, os potes poderão ser doados, mas as tampas devem ser descartadas. 

    Angela deu mais uma instrução importante para a doação dos potes. “Depois que você consumir o conteúdo que estava no frasco, lave o frasco para que quando você doe, ele não junte insetos e odores”, orientou. Como explicou a coordenadora, a doação dos frascos é um fator que ajuda a aumentar a doação do leite. “Quanto mais frascos forem doados, mais podemos ajudar as mães na ordenha e coleta do leite materno”, explicou. 

    O posto UNICOAMOR está localizado no Centro de Especialidades e seu funcionamento é de segunda a sexta, das 7h às 13h. O telefone é o 3906-1142.  Atualmente, atende em média 130 mães por mês arrecadando de 15 a 20 litros de leite por semana. Esta quantidade está muito aquém ao ideal, que seria de ao menos 60 litros semanais.

    O caminho do leite 
    O UNICOAMOR está vinculado ao Banco de Leite do Hospital Universitário (HU) de Londrina, integrando a Rede Brasileira de Banco de Leite Humano. As mães que têm interesse em doar podem ir até a UBS central.

    O leite materno faz um longo caminho depois de coletado, com todas as etapas rastreadas. “Anotamos as doadoras, as quantidades e o número de frascos. Isso é encaminhado para o banco de leite de Londrina do HU”, contou Angela. No HU, o leite passa pelo processo de pasteurização e controles. “É importante termos o controle de higiene para a coleta, porque leite com cabelo não é usado, com sujeira, é desprezado”, explicou a coordenadora. Por fim, o leite doado e processado no Banco de leite é usado nas UTIs Neonatal, atendendo os bebês de toda região. Cada bebê na UTI consome de 20 a 30 ml de leite, a cada uma ou duas horas. 


Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.