Rolandenses no pódio mundial de Beach Tennis

Rafaella Milller, ex-moradora de Rolândia, foi campeã mundial profissional com a seleção; Vitória e a equipe juvenil foram vice-campeões mundiais

Publicado: 09/07/19 • 14h44
Atualizado em: 20/11/19 • 11h09

    O Brasil foi finalista das categorias juvenil e profissional no mundial de Beach Tennis realizado em Moscou, na Rússia, de 02 a 07 de julho. Vitória Cristina Carneiro Marchezini, de 13 anos, foi a representante rolandense na equipe juvenil do Brasil, que foi vice-campeã do mundial. Já Rafaella Milller, que também já morou em Rolândia e atualmente vive em Balneário Camboriú (SC), onde se profissionalizou na modalidade, foi campeã mundial por equipes, também com a seleção brasileira.

    Sub-14
    A seleção brasileira sub-14 ficou com o vice-campeonato após perder para a Itália na final. Vitória e sua companheira Luana Nery perderam de 2x0. Nos dois sets da final, o resultado foi de 6x2 para as italianas. “A Itália era a favorita”, comentou Luciano Marchezini, pai da Vitória que acompanhou o mundial com a atleta. Até chegar a final contra a Itália, Vitória, pelo Brasil, venceu a Polônia, Espanha e França, todos por 3x0.

    Profissional
    Mas o Brasil conseguiu ser campeão com Rafaella Miiller, rolandense que jogava tênis e estudou no Souza Naves. Atual número 1 do mundo, Rafaella ajudou, e como, o Brasil a vencer a anfitriã Rússia na final. A manhã começou com Joana Cortez e Rafaella Miiller vencendo as russas Irina Glimakova e Daria Churakova por 7/5 e 6/2. Depois, André Baran e Vinícius Font garantiram o troféu com o triunfo sobre Sergey Kuptsov e Nikita Burmakin por 6/2 e 6/3. O confronto terminou com a disputa do jogo de duplas mistas, em que Marcela Vita e Thales Santos perderam para Irina e Nikita por 4/2, 1/4 e 10-7. Na final: Brasil 2 x 1 Rússia. Na decisão do sábado, a disputa começou acirrada, com as russas chegando abrir 5 a 1 no primeiro set da partida, mas Joana e Rafaella conseguiram reagir e garantir a virada.

    Com o resultado, o Brasil se tornou tricampeão mundial de beach tennis, após ter vencido no ano passado (2018) e também em 2013. A campanha brasileira do profissional começou com a vitória sobre a Polônia por 3x0 na quarta-feira (03). Na quinta-feira (04), o time superou a Espanha por 2x1. Na semifinal, disputada na sexta (05), a vitória foi sobre a Alemanha por 3x0.

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.