Comércio de Rolândia continua fechado

Medida foi mantida em meio à reunião do Comitê Gestor de Crise da Covid-19, realizada na tarde desta sexta

Publicado: 27/03/20 • 19h30
Atualizado em: 03/06/20 • 03h14

    O Comitê Gestor de Crise da Covid-19 de Rolândia se reuniu, na tarde desta sexta-feira (27), para tratar de vários assuntos ligados à situação do corononavírus e do isolamento social no nosso município. Mas o assunto principal foi, sem dúvida alguma, a questão do fechamento do comércio e o Comitê decidiu pela manutenção do decreto que fechou o comércio e outros serviços por 15 dias – a quarentena se encerra no dia 06 de abril.

    A reunião contou com a participação do prefeito Luiz Francisconi Neto (PSDB), do diretor de Vigilância em Saúde, Rafael Dias, vereadores, dos secretários Celso Chequin (Administração), Paulo Lima (Chefe de Gabinete), Marcos Gabriel (Finanças), Silvia Unbehaun (Educação), Marisa Ferreira (Saúde), dos vereadores Alex Santana, presidente da Câmara, Eugênio Serpeloni, Reginaldo Silva e Rodrigão, do presidente da Associação Comercial e Empresarial de Rolândia (ACIR), Marcio Lopes, e outros empresários.

     A reunião terminou depois de mais de uma hora e meia e ficou determinado que o comércio da cidade de Rolândia vai permanecer fechado até o dia 06 de abril, seguindo recomendação de Decreto Municipal, que segue a linha do decreto do Governo Estadual. O principal argumento em favor disso foi o fato da cidade, e o Brasil, ainda estar no período em que pode ocorrer o pico de maior contágio da covid-19. Rafael Dias revelou que Rolândia tem 547 casos suspeitos da doença – em cinco deles foi coletado material e enviado para o laboratório do Governo do Estado. “Os resultados ainda não chegaram”, afirmou o diretor. O caso confirmado de Cambé também foi assunto da reunião.
 
    O presidente da Acir, Marcio Lopes, sugeriu que uma comissão fosse criada para, a partir da semana que vem, já preparar para uma possível abertura do comércio na segunda-feira (07 de abril). “Antes de realizar a abertura do comércio, faremos uma nova reunião para discutir como será este retorno e de que forma ele será organizado”, complementou o prefeito Luiz Francisconi. Também ficou acertado que o município agirá em consonância com o Governo do Estado.

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.