Maanaim esclarece Fake News de redes sociais

A Casa de Repouso Maanaim enviou uma nota de esclarecimento sobre falsas informações que estão sendo espalhadas pelas redes sociais

Publicado: 29/06/20 • 15h28
Atualizado em: 29/06/20 • 17h42

    A presidência da Casa de Repouso Maanaim de Rolândia encaminhou uma nota de esclarecimento para o Jornal de Rolândia, nesta segunda-feira (29), sobre notícias falsas que estão sendo divulgadas sobre a instituição nas redes sociais. Segundo relatado em uma destas Fake News espalhadas na semana passada, a assistente social da entidades estaria trabalhando com Covid-19.
    

    A informação causou muito transtorno aos gestores da entidade e, por meio de uma nota, vieram a público esclarecer a a situação. O documento informa que a colaboradora testou negativo em exame realizado, que será repetido, juntamente como todos os demais colaboradores pela Secretaria Municipal de Saúde, apesar de não ter contato direto com os idosos e ter sido restringido seu acesso às dependências da Instituição.
   
    Em nota, a direção também esclareceu que, até a presente data, foram registrados sete casos de idosos contaminados e positivados com o coronavírus, e dois suspeitos, que estão aguardando resultados de exames e hospitalizados. A informação falsa indicava que o lar abrigava oito idosos infectados.
    
    Ainda conforme divulgado pela presidência, todos os casos estão sendo monitorados pela Secretaria de Saúde, Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica. Destes positivados, três deles vieram a óbito nas semanas anteriores, os quais não foram tornados públicos em respeito às famílias que já passavam por tamanha tristeza naquele momento. Dos outros quatro, dois ainda permanecem hospitalizados e os outros dois em fase final de recuperação.

    Veja abaixo a nota na integra:
   A Casa de Repouso Maanaim vem a público para esclarecer algumas informações e mensagens divulgadas nos últimos dias em relação e pedidos de doações, administração da Instituição, situação de casos de Covid-19, entre outros.
   Primeiramente, lembramos que a Casa de Repouso Maanaim, como toda Instituição de Longa Permanência para Idosos, é a residência desses idosos, onde são tratados com o carinho e respeito que merecem. Somos uma Instituição totalmente SEM FINS LUCRATIVOS, que não remunera sua diretoria como descrito em seu Estatuto e exigido em Lei. Ou seja, TODO valor arrecadado pela contribuição dos idosos (amparada inclusive pelo Estatuto do Idoso), por doações/contribuições das famílias e por doações/contribuições da sociedade civil, é investido na manutenção da Instituição.
    Essa manutenção inclui pagamento dos funcionários, aluguéis dos espaços, tarifas de água, energia elétrica, telefone, alimentação, produtos hospitalares, móveis, produtos de expediente e todo necessário para uma vida digna da pessoa idosa, muitas vezes abandonada pela própria família.
   Todo o trabalho realizado é monitorado, com apresentação de prestações de contas para os órgãos de controle anualmente, inclusive para o Ministério Público, atendendo à legislação. Neste tempo de pandemia, tendo em vista que os idosos compõem o grupo de risco e ensejam cuidados e acompanhamento ainda mais específico, os custos de manutenção aumentaram, e muito, devido ao uso de materiais descartáveis, equipamentos de proteção individual (EPIS), produtos de limpeza entre outros, tudo para atender aos protocolos dos órgãos de saúde nacionais e internacionais.
   Ainda assim a alimentação dos idosos não foi prejudicada, sendo realizada de 5 a 6 vezes ao dia, monitorada por uma profissional de nutrição. Temos recebido algumas doações da Secretaria Municipal De Saúde (EPIs), de Assistência Social (alimentos, produtos de higiene, álcool) e da Sociedade civil.
   Diferentemente do afirmado por algumas pessoas em redes e mídias sociais, OS IDOSOS RESIDENTES NA CASA DE REPOUSO MAANAIM NÃO TÊM PASSADO FOME, BEM COMO TEM SIDO ABASTECIDOS DE TODOS OS MATERIAIS E INSUMOS DE SAÚDE NECESSÁRIOS! AINDA ASSIM DEVIDO OS GASTOS ELEVADOS AS DOAÇÕES TEM SIDO MUITO IMPORTANTES!
   Considerando as características da COVID-19, desde o início do mês de março suspendemos as visitas e estamos tomando providências para proteção de idosos e colaboradores, apesar de necessidade inevitável de encaminhamento dos idosos para Atendimento Hospitalar, devido a sua condição de saúde muitas vezes debilitada.
   Até a presente data, tivemos 7 (sete) casos de idosos contaminados e positivados, e 2 (dois) suspeitos, aguardando resultados de exames e hospitalizados, e não 8 (oito), como tem sido divulgado. Todos os casos estão sendo monitorados pela Secretaria de Saúde, Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica. Destes positivados, 3 (três) deles vieram a óbito nas semanas anteriores (inclusos nos números municipais), os quais não foram tornados públicos em respeito às famílias que já passavam por tamanha tristeza naquele momento. Dos outros 4 (quatros), 2 (dois) permanecem hospitalizados e os outros 2 (dois) em fase final de recuperação.
   Atualmente os idosos tem bom estado geral, sendo que idosos com sintomas gripais estão isolados e recebendo visitas médicas e da equipe da Secretaria Municipal de Saúde para monitoramento, exames, medicações necessárias e demais encaminhamentos se preciso.  
Mesmo assim, reforçamos que estamos em meio a uma Pandemia Mundial e que muitas situações vão além da linha de ação desta Instituição, apesar de todo o trabalho e empenho desta Instituição e dos órgãos parceiros.
   Por fim, é necessário enaltecer o trabalho desenvolvido por nossos colaboradores, pessoas que também possuem famílias, mas estão destinando suas vidas a cuidar dos idosos institucionalizados.
   Salienta-se que temos fornecido à equipe de colaboradores todos os Equipamentos de Proteção Individual necessários ao exercício de suas funções e, ainda, adotado todos os cuidados para afastamento dos colaboradores que apresentem qualquer tipo de sintomas, ainda que leves, com avaliação médica e tratamento antes que retorne às suas funções, com a reposição do quadro funcional.
   Especificamente com relação à notícia caluniosa de que a nossa Assistente Social teria testado positivo para o vírus e, ainda assim, continuaria a exercer suas funções junto aos idosos, ESCLARECEMOS QUE A MESMA TESTOU NEGATIVO EM EXAME REALIZADO, QUE SERÁ REPETIDO, juntamente como todos os demais colaboradores pela Secretaria Municipal de Saúde, apesar de não ter contato direto com os idosos e ter sido restringido seu acesso às dependências da Instituição.
   A mesma tem feito uso das medidas de proteção, seus materiais têm sido de uso exclusivo e caso necessite de contato com a equipe tem sido com distanciamento e com o uso de EPIs, sempre que possível realizando trabalho remoto.
   A Casa de Repouso Maanaim, atua há 15 anos na cidade de Rolândia, sempre de mãos dadas com corações fraternos que CONHECEM nosso trabalho e que entendem a importância do mesmo. Assim, estamos gratos àqueles que prontamente estão nos auxiliando e sem julgamentos colaborando para que os idosos sempre tenham o melhor. E assim, possamos juntos vencer esse momento tão difícil para toda humanidade!
   Todavia, não podemos e não iremos compactuar com a construção e disseminação de notícias falsas que afetem a honra tanto desta instituição como de qualquer de seus colaboradores, razão pela qual estamos identificando, por meio de nossa assessoria jurídica, todas as pessoas responsáveis em redes ou mídias sociais para a adoção das providências relativas à responsabilização criminal e civil.

Maria das Graças Cidade de Novais - presidente

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.