As obras em andamento

Saiba quais obras que foram iniciadas antes do período eleitoral e obras que só podem começar depois do dia 15 de novembro

Publicado: 10/09/20 • 09h59
Atualizado em: 30/09/20 • 04h02

    A secretária de Planejamento e Infraestrutura, Catarina Schauff, esteve no JR para falar sobre as obras no município. Catarina explicou que as obras que estão em andamento foram iniciadas antes de 14 de agosto, início do período eleitoral. “As ordens de serviço para a obra do Ginásio de Esportes Tancredo Neves da Vila Oliveira, do jardim Vale Verde e da quadra poliesportiva do conjunto Parigot de Souza foram assinadas antes disso, por isso podem continuar a serem feitas”, explicou. Outras obras, mesmo licitadas, só podem ser iniciadas depois de 15 de novembro, como é o caso do Emílio Gomes.

    Obra do Vale Verde
    A secretaria pontuou que a obra do Vale Verde já foi iniciada e por conta disso, algumas ações precisaram ser realizadas naquele local. “Foi necessário retirar as árvores leucenas, uma espécie não nativa que estava se multiplicando de uma forma muito rápida. Pensamos na possibilidade das pessoas terem lazer, mas com segurança, por isso retiramos as leucenas que atrapalhariam esta estratégia”, afirmou. 

    As árvores retiradas serão substituídas por outras, e junto com a secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, será feito um replantio no local em breve, e serão colocadas árvores nativas. “Neste momento está sendo feita a limpeza e movimentação de terra. O local terá uma pista de caminhada bem larga”, informou Catarina.

    Ginásio e Quadra
    Tanto a obra do Ginásio de Esportes Tancredo Neves da Vila Oliveira quanto a da quadra poliesportiva do conjunto Parigot de Souza já estão caminhando e seguindo com as revitalizações necessárias. “Na quadra, já foi feita a troca de azulejos dos banheiros, vai ser feito um novo concreto na quadra, além de melhorias na iluminação, e na parte de jardinagem do local”, explicou.

    Espaço do São Fernando
    No mês de junho, foi iniciada a obra de construção do Centro Cultural San Fernando. A secretária explicou que está obra teve um problema técnico relacionado a planilhas que tiveram que ser substituídas na Caixa Econômica Federal. “Isso infelizmente nos atrasou e não havia tempo hábil para depósito do recurso na conta para retomar a obra até então. Esse recurso vem do Ministério da Cultura e agora dependemos deste depósito para dar o seguimento”, justificou. Catarina acredita que este recurso só chegue após as eleições. 

    Asfalto do jardim Asteca
    Conforme explicado pela secretária, a obra está na fase de tubulações e readequações de drenagem. “O local possui várias bocas de lobo que precisam ser trocadas por novas”, disse.  A parte asfáltica de fato começará a ser feita após este período de drenagem, que é muito importante. 

    Emílio Gomes
    Essa é uma obra muito importante para Rolândia e tem um o orçamento total de mais de R$ 2,5 milhões. “Uma das questões mais importantes desta obra é a readequação solicitada pelo Corpo de Bombeiros. Vamos priorizar as solicitações feitas por eles, para que possam liberar novamente o funcionamento do local”, afirmou.

    No momento há recurso apenas para a primeira etapa das obras, de cerca de R$ 1 milhão, mas que já deixará o local em condições de uso. As obras só depois de 15 de novembro: a licitação está marcado para o dia 15 de setembro.

    Armazém pequeno 
    Este espaço é um patrimônio histórico ligado à Estação Ferroviária e o projeto de revitalização foi feito em 2018 e aprovado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). “Agora os próximos passos são a Caixa Econômica Federal nos pedir os documentos da prefeitura e depois os projetos e orçamento da obra”, disse. O valor orçado para esta obra é de R$ 328 mil, recurso do deputado federal Luiz Nishimori pelo Ministério do Turismo.

    Neste projeto de revitalização as características do imóvel precisam ser mantidas totalmente. “As portas, a cobertura, os pisos, a pintura, os banheiros e todas as partes do imóvel serão restauradas”, afirmou. A recomendação do Ministério do Turismo é que o local, depois de reformado, seja utilizado de modo a fomentar o turismo no município. 


 

Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.